Guy Laroche - RENATA FONSECA

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Guy Laroche

Olá pessoal!!
Andei sumida, mas estou de volta ! Meu notebook não reiniciava por nada, fiquei em pânico! Graças ele já está funcionando, mas tive que colocar um HD novo, ou seja, todos os posts que estavam prontos foram perdidos. A pessoa que veio consertar levou o HD antigo para tentar salvar os arquivos. Torcendo muito para conseguir recuperar meus arquivos! Rs....
Hoje vamos saber um pouco sobre o estilista Guy Laroche.

Guy Laroche estilista francês nascido em 1921, em La Rochelle, e falecido em 1989, em Paris. Com 28 anos, começou como assistente da casa de Jean Desses, mas, em 1955, mudou-se para os Estados Unidos para estudar os novos métodos de fabrico de prêt-à-porter. Em 1957, regressou a Paris para abrir, junto aos Campos Elísios, a sua própria.

Em 1961, aumentou a produção e Guy Laroche instalou-se num hotel na Avenida Montaigne, onde abriu a primeira loja e lançou a coleção inaugural de prêt-à-porter com o seu nome. O costureiro francês foi também criador do figurino de alguns filmes, sendo a mais conhecida Casino Royale, uma comédia de 1967. Em 1966, dedicou-se também à confecção de prêt-à-porter masculino, ainda nesse mesmo ano, através da essência Fidji, os perfumes Guy Laroche começaram também a impor-se no mercado. A casa lançou ao longo dos anos diversos perfumes bem sucedidos, mas os mais famosos são sem dúvida o Drakkar Noir, que apareceu em 1982, e o Clandestine, de 1986.
Em 1972, numa altura em que a sua empresa já pertencia (desde 1968) ao grupo BIC, Guy Laroche ganhou o Oscar de sportswear e, no ano seguinte, inaugurou o segundo estabelecimento para homens. A coleção de Prêt-à-porter Guy Laroche Diffusion, apresentada em 1974, foi o lançamento para a globalização definitiva da marca. Paralelamente, abriram várias lojas na França e no resto do mundo, ainda em 1974, as criações de prêt-à-porter da casa foram entregues a Guy Douvier e, em 1989, após a morte de Guy Laroche, as de alta-costura passaram a ser da responsabilidade de Angelo Tarlazzi. 
 Ao longo da sua vida, Guy Laroche recebeu diversas distinções, como o Dedal de Ouro para o melhor criador da alta-costura em 1985, feito que repetiu em 1989, um mês apenas antes de morrer. Pelo caminho, em 1987, em homenagem pela contribuição que deu à nação francesa, já tinha sido nomeado cavaleiro da Legião de Honra.
Créditos
http://www.fashionmodeldirectory.com/designers/guy-laroche/

Nenhum comentário:

@renatafashionfonseca